20 de julho de 2013

Feliz dia do Amigo!!

Alguém já parou pra pensar o quanto um amigo pode ser especial na vida da gente.
Sempre fui uma pessoa que faz amizade muito fácil, talvez o meu jeito de falar demais ou de estar sempre envolvida em algum movimento tenha contribuído pra isso, mas não me lembro de nenhuma fase da minha vida onde me senti sozinha ou sem amigos e como isso é importante pra mim.

Acordei hoje com um lembrete no celular sobre o dia do amigo e comecei a pensar sobre quantas pessoas na vida já chamei assim, AMIGO. Lembrei da minha fase de pré-escola onde meus amigos eram aqueles que dividiam a caixa de lápis de cor, guardavam lugar na fila do escorregador do parquinho e ficavam "de mal" e de "de bem" como quem brinca de io-iô, lembrei também dos amigos mais chegados, meus irmãos e meus primos que cresceram comigo e que me ensinaram o valor mais profundo da amizade. Lembrei dos meus amigos do tempo da escola, daqueles que me acompanharam desde o começo, e dos que, mesmo que uma única vez, me proporcionaram um momento especial. E em uma viagem mais próxima me recordei da faculdade, onde fiz amizades que levarei para uma vida toda. Recordei de cada amigo que já passou por mim, cada pessoa, que mesmo hoje distante, um dia eu chamei de AMIGO, me lembrei com um aperto no peito daqueles a quem eu nunca mais poderei abraçar, que cumpriram sua missão de amigo e foram se juntar a Deus, me lembrei e agradeci.

Não importa em que momento eu conheci essas pessoas, não importa se foram meus amigos de infância, se foram meus amigos do colégio, da faculdade, da igreja ou do trabalho, cada um deles em algum momento me proporcionou uma lembrança inesquecível, viveu momentos comigo que serão lembrados por uma vida, levaram um pouco de mim e me deixaram um pouco de si e assim contribuíram pra que eu fosse quem eu sou hoje.

Quem tem um amigo, mesmo que um só, não importa onde se encontre, jamais sofrerá de solidão. Poderá morrer de saudades, mas não estará só.
(Amir Klink)
A todos que tem um amigo especial, não importa onde esteja, que possa lembrar dele no dia de hoje e se sentir especial. E aos meus amigos desejo que o dia de hoje seja uma grande celebração do que representamos um na vida do outro.
Feliz dia do Amigo!!

21 de junho de 2013

#VemPraRua

Eu fui pra rua sim, me manifestei, gritei, cantei, protestei. Eu fui pra rua sim! Eu não uso tranporte público, tenho plano de saúde e não preciso do SUS, mas eu fui pra rua sim. Já saí da escola, me formei em uma faculdade pública, tenho emprego, tenho pão na mesa e tenho até diversão, mas eu fui pra rua sim, porque não dá pra fechar os olhos e fingir não estar vendo tanta corrupção.
Manifesto em Cachoeira Paulista 20/06/2013
Eu fui pra rua porque eu sou jovem e porque acredito que posso viver em um país melhor. Eu fui pra rua porque não votei na Dilma e se tivesse votado iria com mais fúria por ter depositado minha confiança em quem não vale um vintém. Eu fui pra rua porque acredito que nunca é tarde pra que as coisas mudem, porque quero ter filhos, quero ter netos e quero que eles vivam em um lugar melhor.
Leonardo, 14 anos em Cachoeira Pta. 20/06/2013
Eu fui pra rua representar você, representar ele, ela, eles que vivem querendo mudar o mundo mas que se acovardam quando tudo o que precisam fazer é levantar do sofá. Eu fui pra rua representar aqueles que quando chegam nas urnas não sabem em quem votar. Eu fui pra rua mostrar a minha cara, defender a minha bandeira, gritar pro mundo que acredito que as coisas possam melhorar. Eu fui pra rua e vou quantas vezes for preciso, lutar pela minha dignidade, exercer a minha cidadania e exigir os meus direitos. Porque ser brasileiro é não desistir nunca!!
#VemPraRua você também!!

Karina Pereira

14 de junho de 2013

Acorda Brasil!!

Amanhã começa a Copa das Confederações, vamos todos nos sentar em frente nossas TV's gigantescas e nos deixar cegar pelos dribles e passes do Neymar defendendo nossa bandeira. Mas espera aí Brasil... Defendendo nossa bandeira?

Fonte: Melhor que Bacon
 Muito se tem falado dos "baderneiros" que estão envolvidos nas manifestações, pessoas que nem usam o transporte público, pessoas que só querem fazer desordem, sim, isso é o que a mídia (manipulada e manipuladora) nos faz acreditar, mas de verdade, quem em plena consciência de seus direitos e deveres acredita que as pessoas deixariam de lado a sua série favorita passando na TV, um happy hour com os amigos depois do trabalho ou o conforto do seu sofá pra ir gritar nas ruas protestando por apenas 20 centavos?? 

Não minha gente, não são apenas 20 centavos, são crianças sem escola, são pessoas sem emprego, são as coisas cada dia mais caras. O aumento da passagem de ônibus foi apenas o toque pra despertar do berço esplêndido brasileiros que não fogem à luta. Protestos como esse são a prova de que o país precisa acordar e está acordando, são jovens lutando pelo Brasil que querem ver, que querem viver e se orgulhar, afinal, qual o sentido de ser o melhor do mundo no futebol se continuamos sendo tratados como o país de terceiro mundo, com mulheres bonitas, praias paradisíacas e nada mais.

Fonte: Facebook
Acorda Brasil, a ditadura não pode se instaurar novamente, precisamos ter ao menos o direito de lutar pelos nossos direitos, é preciso ir as ruas sim, cuspir aquilo que nos sufoca, descer do muro, retirar as vendas e enxergar com clareza tudo isso. Você pode não estar na manifestação, não se envolver no conflito, mas pode apoiar jovens como esses, que tentam lutar pacificamente por seus direitos, mas enfrentam confronto com policiais armados dispostos a pará-los a qualquer preço, apoiados em uma ordem política frajuta. A polícia age com violência, aumenta a proporção das manifestações e conflitos e tudo o que a mídia insiste em mostrar são "baderneiros" sendo levados em camburões, locais destruídos pelo conflito e jovens revoltados. A mídia nos manipula, mas quem manipula a mídia?

Fonte: Melhor Que Bacon
Entre tudo o que vi e ouvi sobre o assunto me revoltou e chamou atenção a atitude de um promotor ao postar em sua rede social que não se importaria em arquivar o processo, caso algum dos manifestantes fosse morto no conflito com os policiais, insinuando que o melhor era matar os envolvidos no protesto. Uma atitude assustadora que prova o quanto estamos cada vez mais na mão dos que estão nos congressos, parlamentos e tribunais. Onde está a democracia que tantos lutaram para defender, onde está o "país de todos" tão falado na TV? 

Somos cada vez mais reprimidos por aqueles que querem nos calar, falam de patrimônio público destruído como um crime, mas destroem nossa dignidade aos poucos sem nenhuma lei ou regra que nos defenda. Precisamos acordar... Acordar pra tudo o que está por trás disso, acordar para a corrupção, para a falta de investimento na educação, acordar para o drama dos índios, a falta de escolas, a violência e os altos investimentos em estádios e campeonatos mundiais. Que esse seja apenas o despertar do gigante, que esses jovens que protestam nas ruas possam abrir os olhos dos que estão acomodados em seu sofá esperando o jogo começar!!

Karina Pereira

6 de maio de 2013

"Papo com as amigas" - Sobre estilo

Estilo é uma palavra presente quase que em nosso dia a dia, podemos diariamente abrir uma revista de moda, a página virtual do nosso jornal favorito ou uma foto no Facebook de uma amiga e lá vai estar estampado essa palavra tão polêmica. Mas o que é estilo no final das contas?
Para conversar sobre isso comigo aqui no blog chamei minhas amigas pra discutirmos o assunto e ouvir a opinião de cada uma delas, então vem conferir:

- O que significa estilo pra você?

Kelly Ane
Estilo é você se conhecer, se olhar por dentro e por fora e se vestir de acordo com as coisas que você gosta. O ideal é que seu estilo fale de você a quem te vê. Estilo é vestir quem você é!



Karine de Campos
Após pensar em uma resposta, procurei o significado da palavra estilo no dicionário, para ver se eu estava fora de foco, rs. Apesar de que quando falamos em estilo acho que nada nunca está errado ou fora de foco.
Ter estilo é relativo, o que é bonito pra mim pode não ser para você, e vice-versa. O importante é você estar se sentindo bem consigo mesma, confortável nas roupas, e se sentindo bonita na frente do espelho, estando na moda ou não – quando eu digo espelho, é pra reforçar a ideia de não se importar com o que as outras pessoas estão pensando em relação ao seu estilo. E voltando ao dicionário, foi exatamente o que eu encontrei. Uma das definições encontradas para estilo é: “Modo de vida; procedimento, atitude, maneira de ser”, então só nos comprova que ter estilo é ser você mesma!


Samara Bonifácio
Estilo pra mim é algo bem pessoal, cada pessoa tem e faz seu estilo. Ter estilo é mostrar por fora tudo aquilo que você é por dentro, sua personalidade, suas emoções, seu humor, etc... Tudo isso levando em conta o seu tipo físico, a cultura, ambiente que você vive e seus próprios gostos.


Silvia Rodrigues
Penso que estilo seja sua personalidade refletida no modo como você se veste. No meu caso gostaria de me vestir melhor, mas acredito que por mais que eu tivesse condições de comprar mais roupas, não mudaria muito a maneira como me visto, pois me sinto bem desta forma, me identifico com o estilo mais básico. 

Simone Macedo
Estilo pra mim é fazer com que a sua personalidade reflita em sua aparência de um modo geral. É saber combinar as tendências com as quais você se identifica com seus gostos pessoais e trazer pra fora tudo que você é por dentro.




- Qual a prioridade na hora de comprar uma nova peça pro armário (conforto, tendência, versatilidade, preço, etc)?

Kelly Ane
Ultimamente, minha prioridade na hora de comprar é pensar se aquela peça realmente tem haver com o meu estilo e se ela vai ficar bem no meu corpo, mas, principalmente se a roupa que estou comprando vai refletir quem eu sou de verdade, e também se combina com o meu estilo de vida, porque às vezes pode até ficar bem no meu corpo, mas não ter nada haver comigo e com as coisas que eu faço, com o meu dia a dia.

Karine de Campos
Eu considero esses quatro itens básicos pra escolher uma roupa, creio que um esteja ligado ao outro, não adianta seguir a tendência e não estar confortável, e pensar em versatilidade já significa economizar em outras peças, entre outras possibilidades.
Mas se eu tivesse que escolher um dos itens escolheria tendência, amo usar o que está usando, haha, claro que de acordo com o que eu gosto de usar e com o que me sinto bem usando. E também sem dispensar os outros itens.


Samara Bonifácio
Eu sempre compro pensando nesta ordem: Primeiro eu tenho que me apaixonar pela peça (ela tem que combinar com meu “estilo”). Em segundo lugar penso na versatilidade, está ai uma dica para economizar também, eu compro minhas roupas sempre pensando nas outras peças, sapatos e bolsas que eu tenho em casa. Em terceiro eu penso na tendência, gosto sempre de conhecer a moda e o que me agrada eu vou aderindo a meus looks. E preço né gente? Não sou rica pra ficar comprando tudo sem nem olhar a etiquetinha hehe, e posso provar pra vocês que há muitas coisas a se comprar sem precisar gastar horrores rs.

Silvia Rodrigues
Minha prioridade para comprar uma peça ultimamente tem sido a necessidade na compra de roupas pra trabalhar e a "beleza da peça" no caso de alguma roupa que compro pra sair. Sou dessas que não usa a roupa de sair para trabalhar. Gosto de peças que combinam comigo e principalmente que vestem bem.

Simone Macedo
Eu sempre peso vários aspectos como conforto, tendência, versatilidade, preço... porém tem uma coisa que pesa mais na minha decisão: AMOR, rsrsr. Eu não compro nada pelo que eu não esteja realmente apaixonada.





- Você acredita que a moda realmente influência sua maneira de se vestir?

Kelly Ane
Sim, claro! Apesar de hoje eu não usar uma roupa só porque está na moda, eu gosto de ver as novidades pra dar uma atualizada nos looks, mas sempre opto por tendências que combinem comigo, sempre!



Karine de Campos
Eu sou apaixonada pela moda, e por trabalhar com isso acompanho bem de perto as mudanças no mundo da moda e as tendências, então isso já faz com que eu me influencie, por estar nesse meio. Mas é claro que não renovo meu guarda roupa inteiro a cada nova estação, continuo usando as coisas que já tinha e que já não estão mais tão em alta, porém eu creio que é sempre bom estar atualizada, eu pelo menos amo me inspirar em looks de blogueiras, tendências de novelas, e no que a moda traz de novo.


Samara Bonifácio
Influência sim, não completamente! Não sou daquelas que usa só por que está na moda, mas gosto de ver as novidades e aproveitá-las . A moda sempre traz coisas diferentes, o que nos dá a opção de atualizar nossos looks sem deixar de lado nossos gostos pessoais, por isso vou sempre adaptando.

Silvia Rodrigues
No meu caso, já fui influenciada pela moda no passado, na adolescência principalmente. Hoje não mais. Às vezes me identifico com algo que está na moda e compro, mas prefiro comprar peças mais básicas e não correr o risco de vestir tempos depois e estar "fora de moda" ou perder a peça, por simplesmente não "estar mais na moda".


Simone Macedo
Posso dizer que influencia 50%. Os outros 50% são influenciados pelos meus gostos pessoais independente de estar na moda ou não.





Acho que podemos concordar com elas que estilo é uma questão de gostos pessoais e personalidade, ser uma pessoa estilosa não significa apenas acompanhar a moda, vestir as tendências do momento ou vestir um uniforme de alguma "tribo", significa transparecer a pessoa que você é no modo como você se apresenta, se veste, se comporta e se impõe.
É isso, espero que tenham gostado desse papo com as amigas. E pra você o que é estilo? Deixe aqui nos comentários que nós vamos adorar saber!!


 

2 de maio de 2013

Papo com as amigas

Eu sempre pensei no universo dos blogs como uma forma de interagirmos com pessoas que tem assuntos em comum com a gente como se estivesse batendo papo com amigos, e eu sempre quis que o meu blog tivesse essa proposta, a de trocar experiências. Pensando nisso e unindo à vontade de trazer outros assuntos aqui pro blog nasceu a idéia da coluna "Papo com as amigas", a ideia é trazer outros pontos de vista aqui pro blog sobre diversos assuntos: moda, comportamento, relacionamento, carreira, etc., e nada melhor do que chamar as amigas pra ajudar né gente. Então escolhi cinco amigas queridas e de estilos completamente diferentes que vão pintar aqui no blog pra conversar com a gente de vez em quando. Bora conhecer um pouquinho mais delas então

Kelly Ane - Guaratinguetá
A Kelly tem 29 anos, é solteira, formada em Gestão Empresarial e trabalha como Assistente Técnica de uma empresa em Guaratinguetá. Além disso ela é dona do blog Bem e Bela e adora tudo o que está relacionado ao mundo da moda e maquiagem, ela também gosta muito de livros, cinema, ama passear no shopping e não dispensa um brigadeiro.
Eu conheci a Kelly na faculdade e ela é a minha amiga descolada, curto muito o estilo dela, tá sempre por dentro de alguma tendência fashion.

Karine de Campos - Guaratinguetá
A Karine é a minha amiga sofisticada (além de super querida), está sempre muito elegante e super bem vestida. Ela tem 21 anos, é formada em Gestão Empresarial e administra uma loja de roupas femininas em Guaratinguetá junto com a mãe. Sempre de olho nas tendências a Karine gosta muito de acompanhar alguns blogs de moda, e passear pelas vitrines de um shopping, ela ama maquiagem e tudo o que está relacionado ao mundo da beleza, além disso a Karine é noiva e está às vésperas do casamento e uma das coisas que tem ocupado seu tempo são os preparativos para o tão sonhado dia.

Silvia Rodrigues - Cruzeiro

 A Silvinha é formada em Publicidade e Propaganda, tem 25 anos, é mineira e atualmente mora na cidade de Cruzeiro, é Coordenadora de Marketing e nós trabalhamos juntas.
Ela adora cozinhar (faz o melhor brigadeiro que eu já comi nessa vida), gosta de sair pra um barzinho com os amigos e de assistir filme com o noivo, ela também está às vésperas de colocar os pés no altar (menos de 1 mês *--*).
A Silvinha faz o estilo básica, mas nunca deixa de estar linda e bem vestida.


Samara Bonifácio - Guaratinguetá
A Samara mora em Guaratinguetá, é noiva, tem 21 anos, é estudante de Engenharia Química e trabalha na área como Suporte Acadêmico. Nós nos conhecemos através da Karine que é amiga dela, a Samara tem um estilo muito romântica, que eu acho lindo, ela também ama animais, adora cuidar dos bichinhos e dedica parte do seu tempo a eles, além disso ela tem paixão por cabelo e maquiagem.



Simone Macedo - S. J. do Barreiro
A Simone é a amiga mais rocker que eu tenho, ela tem um estilo super próprio de ser e de se vestir e é uma amiga queridíssima. A Simone tem 22 anos, é bancária, casada e formada em Gestão Empresarial, atualmente ela mora e trabalha em São José do Barreiro.
Ela ama maquiagem, Rock'n Roll, Tattoo e fotografia. Não dispensa uma cerveja com os amigos, adora um Fast Food, chocolate, shopping e está sempre linda e estilosa.


É isso gente, a partir de agora nós vamos ter a companhia das minhas amigas por aqui, espero que vocês tenham curtido a novidade!! Beeijo


Karina Pereira

19 de abril de 2013

Das coisas que eu não entendo (...)

O que é a morte afinal? Pensei a noite inteira sobre isso e ainda não consigo compreender, talvez minha mente cansada e meus olhos turvos de lágrimas tenham limitado meu pensamento sobre um único sentimento, o sentimento de perda.

Ontem o dia foi triste, foi um 18 de abril pra nunca mais esquecer, o dia que você nos deixou, o dia em que eu te vi pela última vez. O dia amanheceu lindo, o sol brilhava no céu azul e o ventinho frio de outono era confortante, claro, você não podia nos deixar em um dia cinza e comumente triste, aquele sol brilhando precisava nos fazer lembrar o seu sorriso iluminado.

Como receber a notícia de que um de seus melhores amigos morreu e não se sentir um pouco orfã? Foi impossível! Aquele telefonema caiu rasgando no meu coração, abrindo um buraco difícil e doloroso de ser preenchido, em menos de um minuto um turbilhão de coisas invadiu o meu cérebro, a lembrança do seu sorriso, a conversa no bate-papo um dia antes, nossos planos pro próximo fim de semana. Sentia uma mistura de tristeza e raiva, tristeza por saber que não teria mais você nos meus dias, animando nossos encontros, contando suas aventuras, cantando Sandy e Júnior na minha orelha e raiva por você ter partido tão cedo e nos deixado aqui tão tristes, eu sei que a culpa não foi sua, mas me permito pensar que foi, que você escolheu partir antes de todos nós para  poder ser eternizado em nossos corações, pensar assim me faz sentir melhor, me faz sentir que você está sorrindo agora olhando por mim.